GUINÉ EQUATORIAL E O STN CONE SUL CELEBRAM UM ACORDO DE EDUCAÇÃO SEM FRONTEIRAS

por | maio 31, 2021 | 0 Comentários

(CNAS) O Seminário Teológico Nazareno do Cone Sul recentemente celebrou o início de um acordo de educação sem fronteiras com a Igreja do Nazareno na Guiné Equatorial na Região África.

“Em meio a esses tempos inéditos em nosso mundo, estamos unidos como Corpo de Cristo com o propósito de honrar a Deus”, disse Jorge Julca, reitor do STN Cone Sul. “Para nós, esta é uma oportunidade histórica e um motivo de celebração e alegria”.

Pastores e estudantes da Guiné Equatorial terão a oportunidade de obter o diploma de bacharel em teologia, que inclui cursos para a ordenação. Todos esses cursos serão ministrados em salas de aula online e videoconferências.

Julca destacou que a associação é importante tanto para a Argentina, onde está localizada o STN Cone Sul, quanto para a Guiné Equatorial.

“É histórico porque é a primeira vez que, como instituição de ensino teológico, fazemos um acordo inter-regional para servir a um país que está missionalmente em nossos corações”, disse Julca. “Mas é também uma fonte de alegria porque temos o grande desafio de acompanhar os nossos companheiros pastores da Guiné Equatorial com uma excelente preparação ao serviço do Senhor”.

A presença da Igreja do Nazareno na Guiné Equatorial foi instituída em 2002 pelo casal argentino Mario e Irma Martínez. O casal respondeu ao chamado para começar a desenvolver a igreja no único país de língua espanhola na Região África e o último país de língua espanhola sem uma presença nazarena. Eles começaram a igreja e algumas escolas primárias. Finalmente, Daniel Ncuna da Guiné Equatorial, que estudou no STN do Cone Sul, foi nomeado para ser o primeiro superintendente distrital do país. 

“A Igreja do Nazareno na Guiné Equatorial se beneficiará enormemente com o acordo assinado com o STN Cone Sul,” disse Martínez. “Fornecerá aos pastores educação teológica e ferramentas para serem ministros eficazes. Também ajuda a Igreja do Nazareno a se tornar a segunda denominação no país a ter uma instituição acadêmica credenciada que treina seus ministros em um alto nível teológico”.

Antes de seu trabalho missionário na Guiné Equatorial, Martínez foi superintendente distrital em Buenos Aires. Nos anos 90 foi vice-reitor acadêmico do STN Cone Sul. Ele foi recentemente nomeado Coordenador de Estratégia para a Área África Central.

O novo acordo educacional foi iniciado por meio de uma reunião entre Julca, Ncuna, o coordenador regional de educação, Gabriel Benjiman, e outros na Assembleia Geral de 2017. Ambos os diretores regionais, Christian Sarmiento da América do Sul, e em seu tempo, Fili Chambo da Região África apoiaram as negociações iniciais.

“A conversa na Assembleia Geral das Regiões África e América do Sul em 2017 foi muito produtiva e cheia de esperança, e o Espírito Santo colocou um sentimento em nossos corações”, disse Benjiman.“ “A educação que chega ao coração ilumina a mente e se traduz em prática. Este é um conceito completamente Wesleyano, e é disso que se trata a Igreja do Nazareno”.